Encontro vai debater criação de Associação de Vaqueiros em Ribeira do Pombal

Reunião para debater a criação da VARP- Associação dos Vaqueiros de Ribeira do Pombal, será realizada nesta quarta-feira, às 19:00h, na Câmara de Vereadores

Compartilhe:
  •   
  •   
  •  
  •  

Nesta quarta-feira, 02, às 19h, na Câmara de Vereadores, será realizada uma reunião, para tratar sobre a criação da AVARP- Associação dos Vaqueiros de Ribeira do Pombal. O tema esteve em pauta hoje pela manhã no Programa Rádio Revista, quando foram entrevistados o advogado, Dr Vitor, o veterinário, Dr. Bruno, além de Thairys e Mara, integrantes da Comitiva As Patroas.

Dr. Vitor disse que a criação da Associação dos Vaqueiros de Ribeira do Pombal é uma forma de unir os vaqueiros do município e trabalhar uma nova consciência em relação a essa prática cultural e histórica, que vai além da imagem daquele vaqueiro que trabalha numa fazenda cuidando de um rebanho, pois diante de uma nova legislação e realidade social, está passando por um processo de modernização, ganhando  uma dimensão esportiva e econômica, sendo uma fonte de geração de emprego e renda.

Dr. Bruno, como veterinário, disse que com a regulamentação da vaquejada pelo Congresso Nacional, existem leis capazes de coibir os maus tratos, pois instrumento como espora já é proibido, e chicotes não podem mais ser usados contra o animal. Segundo ele, nas vaquejadas credenciadas a ABVAQ- Associação Brasileira de Vaquejadas, a fiscalização é feita de forma eficiente, pois existe todo um acompanhamento de veterinários para observar se de fato os animais estão sendo expostos a algum tipo de sofrimento, o pode acarretar a desclassificação dos vaqueiros que assim procederem, além de multas e outras sanções. O problema, ainda segundo ele, são os eventos realizados sem o credenciados à ABVAQ, citando como exemplos os bolões de vaquejadas, onde pode haver ainda maus tratos aos animais. Mas em relação ao cenário de tempos antigos, muita coisa mudou, passando a existir uma maior consciência em relação a essa questão.

Thyris e Mara, integrantes da Comitiva às Patroas, uma comitiva de garotas apaixonadas por vaquejadas e cavalgadas que une a paixão por cavalos com ações sociais através do grupo Amigos Solidários realizando campanhas a favor dos menos favorecidos, disseram que a Comitiva se sente orgulhosa em ser convidada a participar da criação da Associação dos Vaqueiros de Ribeira do Pombal, e, apesar de ainda existir um certo preconceito contra a figura feminina como vaqueira, as mulheres estão se inserindo nesse contexto, inclusive já existem disputas na categoria feminina na região

Para elas, o projeto de uma associação em nível municipal vem para apoiar e orientar a prática das vaquejadas e cavalgadas não só nos eventos locais, como também nos eventos regionais em que houver a presença dos vaqueiros e vaqueiras pombalenses, levando em consideração não só o aspecto organizacional quanto o aspecto legal.

 

 

 

 

 

Redação e foto pombalfm.com.br


Compartilhe:
  •   
  •   
  •  
  •  

SEM COMENTÁRIOS